Domingo, 9 de Novembro de 2008

...

" Um dia (...) acordarei entre os teus braços (...) e a luz compreenderá a impossível compreensão do amor.

Um dia, quando a chuva secar na memória, quando o inverno for tão distante, estarei contigo e cantarão pássaros no parapeito da nossa janela. Sim, cantarão pássaros, haverá flores, mas nada disso será culpa minha,

porque eu acordarei nos teus braços e não direi nem uma palavra, nem o princípio de uma palavra, para não estragar a perfeição da felicidade. "


in "a criança em ruínas" José Luís Peixoto

 

( Se tudo fosse tão perfeito como as palavras de um livro...

Se tudo fosse tão fácil de arrumar como um livro numa estante...)

 

música: Clã - Lado esquerdo
tags: ,

publicado por emtivivo às 03:45
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 2 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. ...

. (...)

. (...)

. Tratamento para esquecer ...

. Im just a boy...

. A carta

. Respiro o teu corpo

. Sete anos....

. (...)

. Tudo vai bem

.arquivos

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2012

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Março 2011

. Dezembro 2010

. Junho 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds