Quinta-feira, 2 de Dezembro de 2010

Caí

Vivo por ti. Permaneço em queda na imagem de ti. Fico á tua espera. Agarra-me! Tu nem notas. Deixo-me ir podendo dormir de ti, mas nem tento. E entretanto a madrugada chega… fria e continua no dia que vem caindo. Os dias tornaram-se uma longa queda. O calor ficou nos teus olhos. Não dizes nada. Calas-te. Calo-me, permaneço na ilusão. Falar? Basta-me o meu silencio de ti. Tu não estás. Mas fico á espera. Puxa-me! Permaneces na minha queda… e sorrio… que importa a queda…vejo-te… os meus olhos olham-te… que importa a queda? És a queda, a ilusão, o que me manteve suspenso. Grita! E vou até ti… mas grita! Mata a minha queda. Agarra-me! Volta… peço: lembra-te! De nós. Ampara-me para fora da aflição. Leva-me ao encontro da nossa hora. Nunca mais vem. Que digo? Nada mais sou em ti. Por isso permanece a queda.

Um Beijo minha querida.


tags: ,

publicado por emtivivo às 14:43
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 2 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. ...

. (...)

. (...)

. Tratamento para esquecer ...

. Im just a boy...

. A carta

. Respiro o teu corpo

. Sete anos....

. (...)

. Tudo vai bem

.arquivos

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2012

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Março 2011

. Dezembro 2010

. Junho 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds