Domingo, 10 de Agosto de 2014

...

Entretanto a vida continua perdida. A vida: um  barco no meio de uma tempestade, mas sem saber ir ao sabor das ondas, fica ali: estanque, parado no meio do turbilhão. E as ondas batem e batem, quer virar, ir, sair do meio da agitação. Quer encontrar um porto de abrigo, mas tem a âncora agarrada pela violência do sufoco.  Aquela tempestade mantém-no ali, não contra a sua vontade, mas porque quer. Não parte porque aquele mar é dele. Ele navegou-o, conhece os seus baixios, sabe onde a corrente é mais forte. Aquele mar soube-o levar. Deslizava pelas suas águas, quase voava, deixava-se ir na ondulação. Sentia o sabor do seu sal na sua proa.  Foram feitos um para o outro: um barco no mar.


publicado por emtivivo às 03:40
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 20 de Setembro de 2011

Sete anos....

(Sete anos depois encontrei-te, continuas linda. Ver os teus olhos e lembrar-me de tanto... Nunca tive dúvidas, continuas a fazer parte de mim, da melhor parte de mim. simS continuo a amar-te desde o primeiro momento que me sentei junto a ti naquela aula de francês. Em muito tempo este foi o dia mais feliz... sabes o que é engraçado? toda a gente reparou no meu sorriso. Tanto tempo depois continuas a marcar-me. O texto em baixo foi escrito à algum tempo...)

 

 

Queria sair daqui e poder resgatar-te de quem te tirou de mim e seria como num conto de fadas. E fugiríamos para longe, e viveríamos errantes num hotel rasca, numa cidade suja em plena Índia, e apenas nos víamos um com o olhar do outro, e seríamos únicos, e a nossa fome seria de mim e de ti, e vestiríamos o calor dos nossos corpos num quarto imundo, e bebíamos da chuva do céu quando estivéssemos dentro de um comboio apinhado de gente a caminho do Nepal, e quando chegássemos com o corpo dorido da viagem cairíamos no colo que está à espera de mim e de ti num qualquer caminho poeirento, e ficávamos a olhar o céu protegidos na sombra um do outro porque até isso amamos, a sombra, e bastava, e subiríamos a um qualquer mosteiro perdido no tempo e no espaço e contemplaríamos o deus do amor, do nosso amor, e seríamos deuses idolatrados roubando crentes a todos os sentimentos, e a cegueira  da angústia seria curada e veríamos por entre pessoas que apenas olham o chão e não usaríamos máscaras de representar porque o nosso amor nos purificou e…..Um dia vou voltar a ti e juntos continuamos a nossa história.

 

(Hoje, passados sete anos foi o dia. Apenas te olhei. mas hoje foi o dia)

 

Um beijo minha querida..


publicado por emtivivo às 04:34
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 15 de Março de 2011

Tudo vai bem

A morte nada é. Eu apenas estou do outro lado. Eu sou eu, tu és tu. Aquilo que éramos um para o outro Continuamos a ser. Chama-me como sempre me chamaste. Fala-me como sempre me falaste.Não mudes o tom da tua voz, nem faças um ar solene ou triste.Continua a rir daquilo que juntos nos fazia rir. Brinca, sorri, pensa em mim, Reza por mim. Que o meu nome seja pronunciado em casaComo sempre foi; Sem qualquer ênfase, Sem qualquer sombra. A vida significa o que sempre significou. Ela é aquilo que sempre foi.O ‘fio’ não foi cortado. Porque é que eu, estando longe do teu olhar, Estaria longe do teu pensamento?
Espero-te, não estou muito longe, somente do outro lado do caminho.
Como vês, tudo está bem.
 

 

Um Beijo minha querida

tags:

publicado por emtivivo às 05:50
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 2 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. ...

. Sete anos....

. Tudo vai bem

.arquivos

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2012

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Março 2011

. Dezembro 2010

. Junho 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds